30 Junho, 2022

Phenomania

O que é real?

Existem quatro civilizações alienígenas hostis na Via Láctea, afirma estudo

3 min read

Um novo artigo afirma que pode haver menos do que uma civilização extraterrestre com intenções malignas na Via Láctea que também tenha dominado as viagens interestelares.

Enquanto os Humanos se preparam para enviar o seu endereço para o coração da Via Láctea, um novo estudo afirma que podem haver pelo menos quatro Civilizações alienígenas com intenções hostis “no nosso mundo”. No entanto, o pesquisador concluiu que a probabilidade dessas Civilizações invadirem a Terra é muito baixa.

O estudo que ainda está a ser revisto por pares, foi conduzido por Alberto Caballero, Ph.D. estudante em resolução de conflitos na Universidade de Vigo em Espanha. Ele também foi o autor de um estudo separado que tentou analisar de onde veio o famoso sinal WOW!, que foi publicado no International Journal of Astrobiology da Universidade de Cambridge.

Caballero, no seu último artigo, tenta fornecer uma estimativa da prevalência de civilizações extraterrestres hostis que nós, como Civilização Humana, atacaríamos ou invadiríamos quando nos tornarmos uma civilização Tipo 1, capaz de viagens interestelares próximas. Ele também sustenta que pode haver menos de uma civilização extraterrestre maliciosa na Via Láctea que também tenha dominado as viagens interestelares.

“Eu fiz o artigo baseado apenas na vida como a conhecemos. Não conhecemos as mentes dos extraterrestres. Uma civilização extraterrestre pode ter um cérebro com diferentes composições químicas e pode não ter a nossa empatia ou pode ter mais comportamentos psicopatológicos”, disse o pesquisador ao “Vice”.

Os cientistas estão a planear enviar a segunda mensagem de rádio para o espaço interestelar. (File Pic)

Os astrónomos questionam a utilidade da primeira mensagem de rádio interestelar, transmitida ao espaço profundo em 1974 pelo telescópio Arecibo, dizendo que apenas GJ 273 b, localizado a 19 anos-luz de distância, permanece considerado potencialmente habitável. Com uma semelhança estimada com a Terra de cerca de 85 por cento. A mensagem chegará ao exoplaneta em 2029, e qualquer resposta à Terra seria recebida em 2041.

“O problema é que a mensagem continha apenas música e um tutorial científico para descodificá-la. Ou seja, era uma mensagem interestelar simbólica e, portanto, improvável de ser recebida e descriptografada por qualquer civilização, desde que exista”, dizia seu artigo.

Para chegar à conclusão de que existem quatro civilizações hostis na Via Láctea, Caballero baseou a sua estimativa na História Mundial de invasões no século passado, nas capacidades militares dos países envolvidos e na taxa de crescimento global do consumo de energia. Embora ele afirme que o seu cálculo pode ser imperfeito, ele escreve que as descobertas podem servir como ponto de partida para um debate internacional sobre o envio das primeiras mensagens de rádio interestelar sérias para planetas mais próximos, potencialmente habitáveis.

Os cientistas estão a planear enviar a segunda mensagem de rádio para o espaço interestelar que conteria princípios simples para comunicação, conceitos matemáticos básicos, fórmulas físicas, constituintes do DNA, juntamente com informações sobre humanos, a Terra e um endereço de retorno se alguém quiser responder.

A equipa diz que a mensagem terá representações digitalizadas do Sistema Solar, da superfície da Terra e da forma Humana, juntamente com um convite para que qualquer inteligência recetora responda.

Fonte 

 Imagem Destaque por Adrian Pelletier de Pixnio

 

(Lida 2 vezes, 1 visitas hoje)
0
0