Astrónomos descobrem enorme Estrutura em forma de X no centro da nossa Galáxia

Facebookgoogle_plusyoutubeFacebookgoogle_plusyoutube

Uma nova pesquisa permitiu aos astrónomos descobrir que existe uma enorme Estrutura em forma de X mesmo no centro da nossa galáxia.

Parece que X marca o local. Astrónomos descobriram uma enorme estrutura em forma de X localizada no centro da nossa galáxia, um facto que foi sugerido pelos modelos anteriores, mas nunca tinha sido observada directamente, até agora.

“Houve controvérsia sobre se a estrutura em forma de X existia”, diz Dustin Lang, pesquisador associado no Instituto Dunlap de Astronomia e Astrofísica da Universidade de Toronto, e co-autor do artigo que descreve a descoberta. “Mas o nosso papel dá-nos uma boa visão do núcleo da nossa própria galáxia. Eu acho que se tem encontrado evidências bastante boas da existência da estrutura em forma de X “.

Os resultados do estudo aparecem no Astronomical Journal, onde especialistas explicam a sua conclusão.

Créditos Imagem - Ancient Code
Créditos Imagem – Ancient Code

A Via Láctea é uma galáxia espiral “barrada”: há milhares de milhões de estrelas agrupadas em uma “estrutura” de 100.000 anos-luz de diâmetro. É constituída por dois braços em espiral e uma estrutura em forma de barra que atravessa de forma muito estranha o seu centro. É bem mais do que uma galáxia em forma de disco simples.

O “núcleo”(barriga) central da Via Láctea assemelha-se a uma caixa rectangular quando vista -tal como a vemos- de dentro do plano da galáxia. Estranhamente, os pesquisadores descobriram que a estrutura em forma de X é um componente integral do “núcleo”(barriga) galáctico da nossa galáxia.

Os Astrónomos estão a especular sobre duas possíveis maneiras que eles acreditam que esse “núcleo”(barriga) se pode ter formado. Uma delas é que ele se pode ter formado no passado distante, quando a nossa galáxia, a Via Láctea, se fundiu com outras galáxias na vizinhança. A outra teoria propõe que se pode ter desenvolvido sem a ajuda de influências externas.

Os pesquisadores foram capazes de dar uma olhada ao “núcleo”(barriga) quando a Land re-analisou os dados recolhidos a partir do telescópio espacial WISE.

O “núcleo”(barriga) é uma assinatura fundamental da formação da Via Láctea”, diz Ness. “Se entendermos esse “núcleo”(barriga) vamos compreender os processos fundamentais que formaram e moldaram a nossa galáxia.”

“A forma do “núcleo”(barriga) diz-nos sobre como ele se formou. Vemos a morfologia em forma de X e parecida com uma caixa tão claramente na imagem WISE, e isso demonstra que os processos de formação internos têm sido os que conduziram à formação desse “núcleo”(barriga). ”

De acordo com especialistas, a descoberta também nos mostra que a Via Láctea não passou por nenhuns eventos drásticos de fusão desde que esse “núcleo”(barriga) foi criado. Se tivesse sofrido mudanças significativas, então estes teriam perturbado drasticamente a sua forma.

“Ness viu o tweet e imediatamente reconheceu a importância da estrutura em forma de X”, diz Lang. “Combinamos nos encontrar numa conferência em que ambos estaremos presentes. O artigo nasceu a nessa reunião. Esse é o poder de pesquisas extensas e ciência aberta! ”

In: Ancient Code

Please Enter Your Facebook App ID. Required for FB Comments. Click here for FB Comments Settings page

Hits: 349
(Lida 69 vezes, 1 visitas hoje)
Facebookgoogle_plusmailFacebookgoogle_plusmail
0
0

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE